Itinerante

Adriel Alves
2 min readFeb 29, 2024

Quando estiver acostumado, desacostume. Quando invisível a sua rota, mude o caminho, não deixa os olhos virarem máquinas. Quando achar que aprendeu tudo, desaprenda, há sempre algo novo que irá lhe desorientar outra vez. Se o seu dia estiver automatizado, desregule, preze pelo orgânico da vida. Utilize a mão esquerda para abrir as portas, escovar os dentes, escrever, fazer cafuné na pessoa amada. Mude a sequência das coisas que faz toda manhã. Aprenda uma nova língua ou um instrumento musical. Busque novos conhecimentos e se permita errar. O maior equívoco que podemos cometer é temer o erro, sem erro não há aprendizado. Sem o erro, hoje você não estaria caminhando. Sem o erro, hoje você não seria fluente em sua língua natal. Sem o erro, a humanidade ainda estaria entocada na caverna…

Leia aquele tipo de livro que você jurou a si que nunca leria. Adote um bicho que você achou que nunca adotaria. Cozinhe, ainda que seja um desastre na cozinha. Mude a aparência, ponha um brinco, uma tatuagem, um novo corte, a sua beleza é você quem dita e quando amornamos a vaidade estamos nos tornando águas paradas e tudo deve ser rio. A vida é água corrente, não deve se acostumar com pedras, mas cortá-las, prosseguir, deixá-las para trás. Como um rio, pular desfiladeiros, sem medo da queda. Algumas quedas formam lindas cachoeiras, onde outras pessoas farão questão de se banharem.

Vaso que não quebra é ruim. Caia da prateleira, não espere chover poeira em cima de você. Tudo o que para é esquecido e não há nada mais terrível que o esquecimento. Cair no ostracismo é uma morte prematura. Por isso, se quebre quando necessário, e remende, ainda mais forte. Faça da filosofia do viver um Kintsugi, valorizando o ouro das suas imperfeições. O que é imperfeito é único e nunca será esquecido.

Gostou do conteúdo? Deixe aqui o seu aplauso (que vai de 1 a 50) e/ou comentário. Caso tenha interesse, inscreva-se aqui para receber um e-mail toda vez que eu publicar um novo texto.

Instagram: @purapoesiaa

--

--

Adriel Alves

Poeta e cronista. Integrante do portal Fazia Poesia. Instagram: @purapoesiaa. Gostou do conteúdo? Se inscreva no link: https://adriel-alves.medium.com/subscribe